Páginas

sábado, 11 de junho de 2011

História 40 - Palhaço Avarento

Dia dos namorados do ano passado 2010. Segundo namorado sério mas igualmente destinado ao fracasso como o outro. O bruto, que já vinha me arrumando várias confusões a respeito de ex (sinais..), conseguiu transformar a época que antecedia o dia dos namorados num inferno.

Perguntei ao dono do nariz vermelho o que ele queria, eu, no auge dos meus DEZESSETE ANINHOS, já ganhava uma graninha pra me sustentar e poder dar esses luxos a ele de vez em quando. O bonito disse que queria um tênis. Lá fui eu, linda, loira e japonesa comprar.

Agora diz se malandro gostou? Gostou nada. E fez questão de deixar claro que queria um mais caro que aquele comprado (que já havia sido uma nota).

Fui lá, troquei, levei o bruto pra escolher comigo pra não haver erro. Ele conseguiu discutir comigo a respeito de não me dar nada no valor equivalente aquilo. (Oi?)

No dia dos namorados, gastei uns bons 400 paus pra agradá-lo. Roupas, lingerie, depilação, comidinha... Enfim. E no final ele ainda saiu reclamando que era pouco! Não fiz questão nenhuma de nenhum presente. Claro que gostaria, mas a troco disso?

Meses depois, ele termina comigo, numa briga a respeito de dinheiro (!!!), teve agressão e tudo no meio. E lembro claramente dele jogando na minha cara até a passagem que ele gastou de ônibus pra irmos até o shopping no dia dos namorados, um tempo antes. Sendo que quem pagou até isso, tinha sido eu. Fora o lanche do McDonald's que ele queria porque queria direitos autorais do pagamento. Ainda tenho o comprovante de débito! HAHAHA
Palhaço? Magina.


Leitora A.F.

9 comentários:

Sarah disse...

Tem gente que só pensa em dinheiro!!! E presente!!!

mjp disse...

Hahahaha, caramba... Como tem gente que não se toca mesmo, tudo bem ser economico e saber gastar o dinheiro. Mas assim já é demais...
Não me surpreende mais esse ato do mundo dos palhaços!!!

Priscila disse...

Caramba que situação é um palhaço mesmo. Sem palavras.

Anônimo disse...

Nossa, que aproveitador!

Anônimo disse...

Caraleo, sinceramente um desse merece muito chifre, ficar no motel sozinho pra pagar a conta e sem as roupas...

Arlette disse...

kkkkkkkkkkkk no motel, sozinho sem as roupas merece mesmo haha

Christiane disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk
Também passei por um palhaço desses!
aliás namorei um palhaço da pior espécie!!!
Era pão duro,anti romântico,galinha e sem mais!
Mas essa de largado no motel,sem roupa boa idéia.....kkkk

CRIS disse...

afff esse ai nao tem nem o que comentar,extremamente cara de pau !!!!!!!!!!

Miss Chérie disse...

O cara é interesseiro e deixou isso MUITO claro. Não tentou disfarçar. A empresária circense da história que com seus dezessete aninhos foi extremamente ingênua e, pelo visto, aceitava todo tipo de atitude. Mulherada, vamos nos valorizar.